6 motivos de fazer massagem sobre o chão + 1 Bônus IMPORTANTE.

Sawadeekrap a todos!

Neste post eu irei contar um pouco da minha experiência de vida na Tailândia e no Brasil. Contarei pelo meu ponto de vista em relação a massagem no chão, vivenciado nas ruas e spas tailandeses e nos meus atendimentos no período que tive meu spa 100% Tailandês no Rio de Janeiro.

Então vamos lá…

Você sabia que trabalhar com massagem no chão pode ser uma novidade para alguns e mudança profissional para outros? Sendo uma experiência positiva para o profissional e para o cliente, sendo também um diferencial de mercado.

Entre suas mudanças eu posso garantir que, para o profissional por exemplo, é mais barato pois não precisa investir em uma maca grande, cara e pesada. Para o cliente é uma experiência nova, já que no Brasil a experiência de receber uma sessão de massagem no chão ainda é bem pequena.

Na Tailândia, por exemplo, é muito comum fazer uma sessão de massagem (ex: Thai Massagem Tradicional) no chão. Você encontra em cada esquina, do Norte ao Sul da Tailândia. Eu, por exemplo, encontrei em todos os locais que eu estive na Tailândia como: Bangkok, Chiang Mai, Pai, Pukhet, Kho phiphi, Koh Tao, Kho Samui, Krabi e muitos outros.

Estes lugares podem ser bem minimalista no quesito decoração ou bem luxuosos, dependendo de sua proposta, sua localização, público alvo… Estes locais podem ser e estar em Spas, praias paradisiacas ou com visuais de montanhas ou nos centros mais movimentados da Tailândia como Bangkok, Chiang Mai, etc. Sou meio suspeito mas particulamente eu gosto de todos os locais. :D.

Uma situacao diferente também é que no Brasil temos o entendimento, o conceito, de quando trabalhamos com massagem, precisamos de uma sala individual e maca. Isolando o cliente e terapeuta. No meu spa eu tinha a minha sala espaçosa totalmente ambientada ao mundo Thai que tanto amo.

Na Tailândia existem atendimentos em salas individuais mas também em uma sala grande com varios terapeutas e clientes recebendo massagem ao mesmo tempo. Podendo ser chamado de “atendimentos coletivos”. Parece estranho para muitos mas é muito comum pois nesta grande sala existe, ou não, a demarcação do espaço por tecidos/panos/biombos para o cliente e terapeuta durante a sessão de massagem. 

Eu tive experiências na Tailândia como cliente em espaços separados com tecido e biombo e mesmo sabendo que tinha pessoas sendo atendidas ao meu lado, não atrapalha em nada sua experiência. Até mesmo sem qualquer separação, a energia flui de uma forma que você nem percebe que tem gente perto.

Eu tive experiências na Tailândia como cliente em espaços separados com tecido e biombo e mesmo sabendo que tinha pessoas sendo atendidas ao meu lado, não atrapalha em nada sua experiência. Até mesmo sem qualquer separação, a energia flui de uma forma que você nem percebe que tem gente perto. 😀

Agora que falamos brevemente sobre a massagem no chão, vamos conversasr sobre alguns motivos para trabalhar sobre o solo e o que mais me atraiu nesta técnica maravilhosa.

Primeiramente, o terapeuta precisa saber que quando falo sobre trabalhar sobre o solo não quer dizer que será no chão frio e duro, ok? É necessário equipamente sim. XD

Então vamos para o primeiro tópico:

1 – Recupera a saúde do terapeuta:

Quem já teve experiencia em trabalhar com massagem sobre o solo sabe o quanto é beneficio para o profissional. Falamos de correção de postura, condicionamento físico, alongamento, etc. Trabalhar seu corpo como um todo ajuda você a melhorar sua vida pessoal. Além de ser uma experiência maravilhosa para ambos e uma forte conecção entre terapeuta e cliente.

2 – Melhora o condicionamento físico do terapeuta:

Desde o aprendizado, muita prática e a cada atendimento que o terapeuta faz, todo seu corpo tem uma evolução positiva. Consequentemente melhora o condicionamento físico e a elasticidade do profissional (Mesmo que não tenha inicialmente, com o tempo, o terapeuta acaba desenvolvendo esta parte que é muito importante até pra sua saúde).

3 – Seu corpo é sua ferramenta:

Quando se trabalha no chão, o corpo do terapeuta é sua ferramenta de trabalho. Você precisa usar os polegares, mãos, cotovelos, joelho, pés e peso do corpo. A forma correta de usar seu corpo faz com que evite lesões no terapeuta e no cliente. Nos cursos do EspaçoThai, este é um dos pilares de ensino do Prof Helcius Lima.

4 – Investimento em material.

Para o profissional que trabalha com massagem, normalmente é necessario investir em equipamentos grandes, pesados e caros. Na Thai Massagem Tradicional, por exemplo, não precisa estar em um modo que se desespera em pensar: “Quantos milhares de reais preciso gastar para poder iniciar neste ramo”. O uso de materiais é ínfimo e totalmente acessível. No meu curso eu ajudo o terapeuta a investir corretamente em materiais para iniciar os atendimentos. Saiba mais sobre os cursos clicando neste LINK.

5 – Não precisa de muito para se trabalhar no chão.

Na Thai Massagem Tradicional ou trabalhando com técnicas que podem ser trabalhadas sobre o solo, você pode usar poucos equipamentos para trabalhar. Basta usar um tatame, colchonete, canga, edredon, dependendo de onde for atender seu cliente. O que for necessário para o terapeuta e o cliente estarem confortáveis e não cause lesões ao profissional.

6 – Pode ser feito em diversos locais.

O terapeuta pode atender em domicilio, no consultório, em seu próprio spa, em salas alugadas por hora, parques, praia …

Por ter essa facilidade de atender em qualquer local, o terapeuta não precisa deslocar uma maca enorme para atender. Basta ter uma bolsa personalizada com seus equipamentos. Certamente o peso será bem menor para carregar.

BÔNUS: (Extremente importante)

7 – Vestuario:

É de suma importância o profissional e cliente usarem um vestuário adequado, assim ajuda a evitar possíveis situações constrangedoras, seja no spa, em domicílio, no parque ou praia. Sempre aconselho ao meus alunos e futuros terapeutas a usarem uma calça mais larga que não atrapalha suas manobras e uma blusa confortável. Ao mesmo tempo também aconselhar o cliente a usar calça e blusa.

Neste momento eu faço uma colocação importante sobre a Thai Massagem Tradicional. Desmistificar o termo ‘’massagem tailandesa’’ no Brasil na qual foi colocado erroneamente como algo sexual.

Esta técnica milenar e muito respeitada mundialmente e é de suma importancia o terapeuta se posicionar perante o mercado. Pode e deve ser feito com todas as técnicas que o terapeuta trabalha também, mas citando a Thai Massagem Tradicional, tem uma questão muito enriazada mas para quem conhece a técnica, fica bem claro.

No meu curso de Thai Massagem Tradicional eu explico aos futuros terapeutas sobre o seu posicionamento profissional no mercado. Falamos um pouco da história da massagem tailandesa e sobre alguns motivos do porque existe esta ‘’nomenclatura ‘’errada da massagem tailandesa. Sendo necessário mostrar ao cliente o quão é sério esta tecnica é.

Com os anos de experiência no mundo da Thai Massagem e outras técnicas, de ter tido meu próprio Spa Tailandês no Rio de Janeiro, inúmeros atendimentos, nos meus cursos ministrados no Brasil e a vivência em todas as vezes que fui e morei na Tailândia, vejo o quanto o profissional precisa cuidar de seu corpo, energia, mente, e claro, seus clientes.  Seja com qual técnica for trabalhar no chão.

Então, ame muito o que faz.

Trabalhe com carinho, alegria, respeito e muita dedição.

Cuide de seu cliente e de você.

Seja e esteja sempre feliz.

Khop Khun Krap

Prof Helcius Lima

newsletter

Envie seu e-mail e receba as novidades e promoções do EspacoThai.

2018 – Todos os direitos reservados EspaçoThai.

A reprodução do conteúdo é autorizado mediante a citação do autor.